CHUPA CREFISA!!!

E vamos comemorar no piano bar!

Captura de tela de 2016-06-29 19-37-19

Após dez anos de espera, os servidores do MPU e Judiciário podem, finalmente, rever um reajuste num novo plano de carreira.

Captura de tela de 2016-06-29 19-38-03

Agora, os PLCs seguem para sanção da presidência. O tempo urge, para que não percamos mais uma parcela. Junho já era.

Para não perder o hábito, os que quiserem simular os seus novos salários podem calcular em:

http://novopcs.josebarbosa.com.br

17 comentários sobre “CHUPA CREFISA!!!”

  1. Qual a diferença em termos reais entre o aumento da remuneração do PJU e MPU, pois a imprensa deu a intender que os servidores do Judiciários vão receber muito mais do que os servidores do MPU?

    1. As diferenças existem, mas são muito pontuais. O projeto do MPU contém uma série de pequenas modificações a determinados grupos de servidores.
      Os 12% no vencimento básico e GAMPU de 90 para 140% até janeiro de 2019 são idênticos.

      No caso do MPU, as principais mudanças, que não se estendem ao Judiciário, são as seguintes:
      1) Mais níveis de cargo em comissão serão contemplados com reajuste;
      2) Servidores e requisitados ocupantes da CC-02 de Chefe de Gabinete virarão CC-04: metade (700) agora em julho, com prioridade aqueles vinculados às instâncias superiores; a outra metade em julho de 2017;
      3) O adicional de treinamento (AQ) passa de 1% para 2,5%, e o teto de 3% para 5%;
      4) A GAS pode ser acumulada com funçõa de confiança ou cargo em comissão;
      5) Os servidores lotados na ASSPA passam a receber GAS de 25% sobre o VB.

      1. Sou servidora sem vínculo ocupante de CC2 e estou com uma dúvida: na PR em que estou lotada, as CC2s prestam assessoria direta aos membros, mas, formalmente, são vinculadas à Chefia Administrativa e não aos gabinetes. Esses cargos serão alcançados pela transformação?

  2. Viva nosso aumento!

    José Barbosa, bom dia, só fiquei com uma dúvida:

    Pelo que olhei no projeto de lei aprovado, não passou aquela redução do gancho de 3 para 1 ano, confere?
    Ou seja, continuamos “presos” por 3 anos, isso?

    1. Benefícios – Além do reajuste escalonado, o projeto prevê outros benefícios aos servidores, como a diminuição no tempo do concurso de remoção de três para um ano e alteração do Adicional de Qualificação Temporário (AQT), referente ao conjunto de ações de treinamento.

  3. Bom dia!
    Vi que nosso aumento foi aprovado no Senado, porém a mídia tem noticiado que foi 41.47% para o Judiciário e 12% para o MPU. Os projetos não são quase idênticos? Não entendi a diferença. Quando faço a simulação verifico que os valores são os mesmos. O que significa essa diferença percentual?

  4. Amigo parabéns pela site. Vc viu a publicação absurda do Sinasempu?http://nacional.sinasempu.org.br/index.php/noticias/todas-as-noticias/item/2369-assessoria-atua-para-que-a-parcela-de-junho-nao-seja-perdida

    Fiz um comentário onde expresso minha indignação, pois a medida que eles estão supostamente pleiteando vai contra nossos interesses. Até acredito q eles nem estejam em contato com ninguém, pois essa idéia mostra o quanto estão despreparados para representar os interesses do MPU. Se vc puder se manifestar de alguma forma contra isso seria ótimo. Creio q meu comentário no site deles será moderado, mas deixo ele a baixo para tua ciência, a fim de saber se é isso mesmo que entendi (absurdo!).

    “Gente isso que vcs estao propondo é um absurdo, sem nenhuma noção jurídica. Creio que não tem nem chance de eles serem atendidos e a assessoria jurídica, pois essa proposta implicaria em vigência após 45 dias pela aplicação do prazo geral de vigência para leis previsto na LINDB, ou seja, eles vcs propronto o absurdo de a implantação da norma ocorrer só em setembro e com isso a perca da parcela de julho tbm… Isso só mostra o quanto o Sinasempu está desqualificada e despreparada para atender os interesses da categoria, será que não existe assessoria jurídica para esclarecer isso, ou vcs estão tentando ganhar prestígio com a categostia propalando inverdades. Sinceramente vcs devem desculpas a categoria e pelo menos uma nota retificando essa informação que se opõe frontalmente contra os imteresses dos servidores. Enquanto todos buscam a sanção do projeto para o mês de julho com vigência imediata vcs estão buscando uma vacacio para adiar ainda mais a implantação dos reajustes… Só pode ser brincadeira de mau gosto…”

  5. Boa noite, ao calcular o reajuste de salário referente ao Judiciário, percebi que os valores referentes aos auxílios alimentação e creche constantes referem-se aos anunciados no começo do ano( 2016), mas não implantados até o momento por conta de restrição orçamentária. Com a sanção do projeto, seremos contemplados com esses reajustes também?

    1. Na verdade, para o judiciário desde janeiro de 2016 valem os valores do simulador, e para o MPU desde março, mas muitos ainda não implementaram.
      No caso do MPU, existe a promessa de que o reajuste e retroativo dos auxílios será pago em agosto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *